Bem Vindo ao Tribuna do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

Isidório ressalta marketing: ‘Não ando mais com o ‘bujão’ porque eu cedi ao marqueteiro’

Publicado em: 28/10/2020

por Fernando Duarte / Ailma Teixeira

Isidório ressalta marketing: 'Não ando mais com o 'bujão' porque eu cedi ao marqueteiro'

Foto: Rebeca Menezes / Bahia Notícias

Como planejado pela coordenação da campanha do Pastor Sargento Isidório (Avante) à Prefeitura de Salvador, o deputado federal está mais comedido. Ainda com danças, linguagem informal e sua postura pitoresca, ele aparece menos “doido” no pleito de 2020. O objetivo com isso é único: aumentar o eleitorado do parlamentar.

 

“Eu não estou mais andando com o ‘bujão’ porque isso eu cedi ao marqueteiro”, ressalta, acrescentando que da bíblia ele não abriu mão. A mudança segue o conselho de grandes apoiadores – seu coordenador, o senador Angelo Coronel (PSD), o senador Otto Alencar (PSD) e o governador Rui Costa (PT), que ele faz questão de apontar como o primeiro a ter incentivado sua candidatura.

 

Em entrevista ao Bahia Notícias, parte da série que o portal tem feito, Isidório ressaltou sua gratidão a Rui, mas não deixou de reclamar da forma que tem sido oprimido pela candidatura petista, de Major Denice. “Eu estou brigando com duas máquinas: a máquina do DEM, da prefeitura, e a máquina do PT. Eu agora estou sendo esmagado por duas máquinas. Pode ver que o candidato do DEM fez tudo na prefeitura e pode ver que a candidata do PT é quem fez metrô, fez VLT, quem está fazendo tudo. E o restante? Olivia não fez nada, João Bacelar não fez nada, nós nem existíamos”, desabafou.

 

Ao longo da entrevista, ele exaltou ainda os feitos da Fundação Dr. Jesus, que trabalha com a recuperação de dependentes químicos e agora passa por um processo de ampliação, e abordou algumas promessas de campanha, como a instauração de eleição nas prefeituras-bairros e redução no preço do gás de cozinha. Confira a entrevista completa aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *