Bem Vindo ao Tribuna do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

Saeb aciona PGE após servidor ser preso por suspeita de fraude em processos judiciais

Publicado em: 11/9/2020

por Mari Leal

Saeb aciona PGE após servidor ser preso por suspeita de fraude em processos judiciais

Foto: Reprodução

Preso nesta quinta-feira (10) e investigado na Operação Inventário (reveja aqui), o advogado Marco Aurélio Fortuna Dorea é também servidor público do Estado da Bahia, lotado na Secretaria da Administração (Saeb). Dorea é acusado de integrar um esquema de fraudes nos processos judiciais em trâmite no âmbito da 11ª Vara de Família, Sucessões, Órfãos, Interditos, Ausentes da Comarca de Salvador. 

Ao Bahia Notícias, por meio da assessoria, a Saeb informou que a pasta ainda “não teve acesso ao teor da denúncia, entretanto, a princípio, os atos praticados não têm relação com a função pública exercida”. A informação é uma resposta ao questionamento da situação do servidor após as ocorrências desta manhã. A assessoria esclareceu ainda que, “de todo modo, a Procuradoria Geral do Estado (PGE) está sendo acionada para orientação sobre as providências cabíveis”. 

Também foram presos nesta quinta o advogado João Novaes, que atua na defesa de Adailton Maturino, “quase cônsul” preso pela Operação Faroeste, que investiga tráfico de influência no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), e o servidor do TJ, Carlos Alberto Aragão. 

A ação apura indícios veementes da prática de crimes de lavagem de dinheiro, organização criminosa, corrupção ativa e passiva, estelionato, fraude processual, uso de documento falso e alteração de dados no sistema.

 

De acordo com a investigação, os procedimentos são praticados por organização criminosa composta por advogados, serventuário e particular responsável por falsificação de documentos. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *