Bem Vindo ao Tribuna do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

Brasil será denunciado na ONU por risco de genocídio e desmonte ambiental

Publicado em: 28/2/2020
Brasil será denunciado na ONU por risco de genocídio e desmonte ambiental

Foto:Reprodução/UOL

O Brasil será denunciado na Organização das nações Unidas (ONU) pelo elevado risco de genocídio de povos indígenas isolados e pelo desmonte de sua estrutura estatal para combater o desmatamento. Um levantamento feito pelo Instituto Socioambiental (ISA) e pela Comissão Arns comprovou que desmatamento e invasões dispararam no último ano em territórios da Amazônia habitados por indígenas isolados, considerados como os mais vulneráveis a doenças e à perda da floresta.

 

A denúncia será feita ao órgão internacional pelas duas entidades. As representações solicitará às Nações Unidas que exijam do Brasil ações concretas para reverter o quadro. A audiência será realizada em Genebra, na Suiça, e contará com a presença do líder indígena Davi Kopenawa Yanomami.

 

Dados do ISA mostram que, em 2019, a derrubada da floresta nesses territórios superou a taxa média de perda de cobertura florestal. O desmatamento nesses locais cresceu 113%. No total de todas as Terras Indígenas, o aumento foi de 80%. Os dados do desmatamento se baseiam no Prodes, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), segundo o UOL.

 

A atual posição do governo brasileiro é de recusa ao conceito de genocídio. Para Brasília, não se pode usar esse termo, diante de uma realidade que aponta, supostamente, para um aumento na população indígena no Brasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *