Bem Vindo ao Tribuna do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

EM COLETIVA DE IMPRENSA, PREFEITO OZIEL OLIVEIRA ANUNCIA CONSTRUÇÃO DO HOSPITAL MUNICIPAL DE LEM

Publicado em: 03/4/2019
Foto: João Batista/Blog Bahia
O prefeito de Luís Eduardo Magalhães, Oziel Oliveira, anunciou nesta segunda-feira (1), durante uma coletiva de imprensa, a construção do Hospital Municipal na cidade. Além de jornalistas, radialistas e blogueiros, participaram da coletiva, o Secretário de Saúde do município, Felipe Melhem e vereadores. Orçado em cerca de 70 milhões, a nova unidade hospitalar possuirá os mesmos moldes do Hospital Regional de Seabra, na Chapada Diamantina, recém inaugurado pelo Governo do Estado.
O Hospital Municipal de Luís Eduardo Magalhães será construído conforme dispõe o projeto na área chamada complexo de saúde, local onde, segundo o prefeito Oziel Oliveira foi idealizado estrategicamente para dar agilidade no atendimento dos pacientes e evitar transtornos na hora de resolver uma demanda na área da saúde. A nova estrutura contará com 102 leitos, 14 leitos de UTI, quatro (4) centros cirúrgicos e centro de imagens e diagnósticos, tudo em um só lugar.
Segundo o Secretário de Saúde do município, Felipe Melhem, “o Hospital será um dos mais modernos e equipados da região e atenderá pacientes de outras regiões, como já faz, mas a partir da construção da nova unidade hospitalar, os pacientes serão encaminhados através das pactuações entre municípios e o próprio Estado”, explicou.
Foto: João Batista/Blog Bahia
Para o prefeito Oziel Oliveira, a construção do Hospital Municipal de Luís Eduardo Magalhães é uma das prioridades de seu governo, e dará a cidade resolutividade no atendimento médico, realização de exames e vagas de UTI.
“Recebemos um município com as finanças arruinadas, trabalhamos incansavelmente para dar essa condição de poder tirar do papel um sonho e torná-lo realidade, agora não é mais um compromisso de campanha do Oziel, é o desejo de todos, inclusive da Câmara de Vereadores que vai receber o projeto para análise no setor jurídico e nas comissões”, garantiu o gestor.

Da redação do Se Liga Barreiras
com informações da Ascom LEM.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *